Acipi estimula troca de moedas no comércio Piracicabano

Publicado em Por Hosana Cortenove

A Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba) quer estimular a população a trocar suas moedas no comércio piracicabano. A ideia é ajudar a reduzir a falta de troco, problema que atinge o comércio, prejudica a atividade econômica do município e impacta na vida do consumidor, pela demora em concretizar suas compras.

Cofrinhos – Uma questão cultural que contribui para segurar as moedas em casa é o hábito de guardá-las em cofrinhos. Segundo a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), R$ 7,4 bilhões de moedas estão retidas em cofrinhos em todo o País. Isso equivale a 32% do total emitido até dezembro de 2015.

“Muitos lojistas têm tido muita dificuldade em efetuar o troco por falta de moedas. Por isso, é importante que a população se conscientize da importância de se aplicar os valores retidos em moedas, ou trocá-las por notas. Agindo dessa forma, as moedas voltam para o comércio e passam a circular novamente na economia”, diz Checoli, que reforça: “se as moedas circulassem mais, teríamos volume suficiente de troco para atender tantas demandas”.

Deixe um comentário abaixo