Alunos da EMTI de Ipeúna aprovam aulas na Piscina Pública

Publicado em Por Hosana Cortenove

“Esta é a melhor aula de todas!”, afirma assim que sai da piscina, o aluno Flavio Pereira Costa, 9, matriculado no 5º ano da Escola Municipal de Tempo Integral (EMTI) de Ipeúna e que faz parte do grupo de cerca de 40 alunos dos 4º e 5º anos, que estavam na Piscina Pública Municipal na tarde desta terça-feira, dia 14, durante a Oficina de Atividades Esportivas e Motoras, previstas na grade do contraturno da escola.

A aluna Heloá Carolyne, 10, aluna do 5º ano, afirma que as aulas a ajudaram a vencer o medo da piscina.

“Antes eu tinha muito medo de entrar na piscina, tinha medo da água, mas, agora, que consegui vencer meus medos, consigo me divertir”, conta a estudante durante o momento do lanche. Tobias Rafael Illert, 10, e Antonio Pires de Oliveira Neto, 10, garantem que dessa aula ninguém falta. “Essa aula é 10!”, afirma ele.

De acordo com a diretora Luciana Abdalla, a EMTI atende neste ano 173 alunos, entre seis e 11 anos, matriculadas do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I. A permanência na escola é das 7h30 às 16h40. No primeiro turno (manhã) é desenvolvido o Currículo Básico do Ensino Fundamental e, no segundo turno (tarde), são realizadas as seguintes oficinas: Atividades Esportivas, Atividades Artísticas, Atividades de Participação Social e Atividades de Linguagem e Matemática. “Cada oficina tem seus desdobramentos”.

Alunos da EMTI de Ipeúna aprovam aulas na Piscina Pública

Alunos da EMTI de Ipeúna aprovam aulas na Piscina Pública – Foto: Divulgação

De acordo com o professor de Educação Física Cleber Miranda, a aula de natação é, sem dúvida, uma das preferidas de 10 entre 10 alunos da escola. “Na verdade eles demonstram interesse e prazer em todas as atividades esportivas, como o handebol, basquete, voleibol, entre outras; mas a natação, especialmente, nestes dias de calor, é a mais aguardada”, explica.

O professor ressalta que as atividades esportivas, sem dúvida, tem um papel fundamental na saúde das crianças e a natação é uma das atividades mais completas, o que demonstra a preocupação da atual administração municipal com a saúde e qualidade de vida dos alunos. Entre os benefícios da natação, ele destaca: melhora a respiração, condicionamento físico, circulação sanguínea, desenvolvimento motor, ósseo e também das noções espaciais, temporais e de ritmo, entre outros.

A professora Luciana Toniolo destaca ainda que os benefícios não são somente físicos, mas também pedagógicos e sociais. “Cooperativismo, respeito mútuo, o cumprimento das regras, são alguns dos inúmeros pontos que repercutem positivamente em outras áreas, proporcionando uma melhor qualidade de vida e das condições de aprendizado”, destaca a professora.

Cleber explica que a aula de natação não começa exatamente com os alunos aprendendo a nadar.

“Vamos devagar, pois temos alunos que têm medo, outros apresentam algumas limitações que precisamos respeitar. Trazemos as crianças para um primeiro contato com a piscina por meio de jogos, como por exemplo, o biribol, depois o polo aquático e, depois, vamos para a natação”, afirma.

Além disso, as crianças também tem o momento da descontração dentro da piscina.

Deixe um comentário abaixo