Chuvas exigem cuidados contra Aedes aegypti alerta Secretaria de Saúde de Ipeúna

Publicado em Por Hosana Cortenove

A Secretaria de Saúde de Ipeúna, por meio da Estratégia de Saúde da Família (ESF) reitera o alerta à população para o cuidado com quintais, calhas e qualquer outro local que possa acumular água e tornar-se um potencial criadouro de larvas do mosquito Aedes aegypti.

A previsão é de que as chuvas continuem por mais alguns dias, por isso todo cuidado é necessário.

A ESF encerrou em 28 de maio a campanha “Todos Juntos contra o Aedes aegypti”.  A secretaria de Saúde desenvolve ações preventivas permanentes, visando eliminar doenças como essas.

O trabalho desenvolvido durante 13 sábados contemplou a realização de vistorias nas residências de modo a eliminar possíveis criadouros do mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus, bem como mobilizar a população para evitar novas infestações e, por fim, o preenchimento de um boletim com a situação do imóvel vistoriado. Do total de imóveis visitados, 1.487 receberam as agentes de Saúde; e 914 encontravam-se fechadas.

Desde o início do ano, o município de Ipeúna registrou 12 notificações de dengue, das quais para três delas os exames laboratoriais deram positivos para a doença, sendo todos importados; sete suspeitas negativas e dois casos ainda aguardam o resultado dos exames.

O município não registrou nenhum caso de Chikungunya ou Zika Vírus.

Deixe um comentário abaixo