Cooperativa Reciclador Solidário informou lojistas sobre Coleta Seletiva em Águas de São Pedro

Publicado em Por Adelle Gebara

Lojistas e Comerciantes de Águas de São Pedro receberam a visita de representantes da Cooperativa Reciclador Solidário que circularam nos estabelecimentos informando aos comerciantes sobre o funcionamento do trabalho que teve inicio no município.

Essa ação ocorreu em parceria entre a ACASP – Associação Comercial de Águas de São Pedro; Secretaria de Transportes e Serviços Urbanos e a Cooperativa Reciclador Solidário.

A coleta seletiva será realizada todas as terças-feiras, a partir das 08h00, começando pela área central.

O presidente da ACASP – Associação Comercial de Águas de São Pedro, Valter Ferreira, procurou a Secretaria de Transportes de Serviços Urbanos para realizar esta ação. “Nosso objetivo foi informar os comerciantes sobre como será a coleta seletiva e definir um melhor horário para o recolhimento dos materiais do comércio (às 08h00)”, explicou.

Valter Ferreira também destacou que o trabalho informativo foi realizado primeiramente com os estabelecimentos de alimentos e bebidas.

“Cooperativa Reciclador Solidário informou lojistas sobre Coleta Seletiva em Águas de São Pedro” – Foto: Divulgação

“Nesta quinta-feira não foi possível visitar 100% dos estabelecimentos, porém pretendemos continuar com esta iniciativa”, continuou.

Segundo o secretário Alex Sandro Leme, a iniciativa que começou a ser realizada é importante para que todos compreendam o funcionamento da coleta seletiva.

‘Na terça-feira da semana passada, a Reciclador Solidário realizou pela primeira vez este trabalho em nossa cidade. Os catadores e catadoras começaram o trabalho às 08h00 e foram até às 20h00, poucas ruas não foram atendidas, mas queremos sanar isso no próximo dia de recolhimento”, ressaltou.

Ainda de acordo com o responsável pela pasta de Serviços Urbanos, é importante que todos saibam que às terças-feiras só funcionará a coleta seletiva.

“Volto a frisar que as terças-feiras, não estaremos recolhendo o lixo orgânico, apenas o material reciclável”, reforçou.

Essa informação é muito importante, segundo a representante do Reciclador Solidário, Célia Regina Carlin. “Nós conseguimos recolher em nosso primeiro dia 1.630 quilos de material. Porém, encontramos também muito orgânico junto, como lixo de cozinha e banheiro. Por isso, orientamos que neste dia os munícipes e comerciantes deixem apenas o que pode ser reciclado”, pede Célia.

Célia Carlin também destacou que o reforço informativo realizado no comércio visa a colaboração de um setor importante da cidade.

Além de Célia Carlin, estiveram presentes também Edinalva Inês Corrêa Souza, Larissa Danielle Tinto e Nara Malta.

De acordo com Nara Malta, que é do Escritório Nacional do Cataforte, não é preciso fazer a separação dos recicláveis.

“O que pode ser reciclado não precisa ser separado em vários sacos diferentes, mas é interessante que seja higienizado, para evitar atrair animais e insetos”, explicou.

Deixe um comentário abaixo