Coronel Adilson e Jorge Silva selam união em convenções e disputarão a Prefeitura de Águas de São Pedro

Publicado em Por Hosana Cortenove

Nesta semana, Adilson de Toledo Souza, conhecido como Coronel Adilson, presidente do PV (Partido Verde) e Jorge Silva, presidente municipal do PSB (Partido Socialista Brasileiro) selaram união nas convenções de seus partidos e disputarão juntos a Prefeitura de Águas de São Pedro.

Jorge Silva, conhecido como “Jorginho do Baste” que chegou a se colocar como pré-candidato a prefeito da estância hidromineral, com o aval do deputado federal Luiz Lauro Filho (PSB), acabou selando acordo com o PV para ser o candidato a vice-prefeito, tendo sido escolhido ontem a noite na convenção do partido.

Já o pré-candidato Coronel Adilson (PV) vinha costurando sua pré-candidatura ao cargo de prefeito, tendo seu nome confirmado nesta quarta-feira durante a Convenção Municipal do PV.

Os candidatos escolhidos pelos partidos PV e PSB integram a coligação “Honestidade, Trabalho e Ética” e destacam que esses serão os pilares principais da campanha.

“O nosso compromisso é única e exclusivamente com Águas de São Pedro e com uma nova forma de fazer política, onde as propostas sejam coerentes e a cidade esteja em primeiro lugar. Pregamos não somente uma política diferente, como uma gestão diferenciada, baseada na eficiência, compromisso, profissionalismo e ética. Por isso essa união foi possível, não precisamos e nem dependemos dos salários de prefeito e vice para sobreviver, o que nos torna realmente comprometidos apenas e exclusivamente com a cidade”, falou Coronel Adilson durante a convenção.

O presidente do PSB, Jorge Luis da Silva, escolhido como vice-prefeito, destaca o diferencial da futura chapa.

“Faremos uma campanha propositiva, buscando mostrar novas propostas para nossa comunidade. Eu e o Adilson temos uma boa sintonia e seremos duas pessoas para somar por Águas de São Pedro. Não seremos prefeito e vice-prefeito que andam separados, mas sim juntos, sempre por nosso maior elo, que é a cidade que nasci e amamos. Não somos políticos de carreira e não queremos fazer um governo como ocorre tradicionalmente, queremos sim fazer gestão, inovando e produzindo de acordo com a necessidade das pessoas, dos empresários e comunidade como um todo, afirmou Jorge Silva.

Deixe um comentário abaixo