Dinho Morelli quer informações sobre não regularização do CAPS

Publicado em Por Hosana Cortenove

Durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Charqueada, realizada na quarta-feira, dia 16, o vereador Dinho Morelli (PPS), apresentou o Requerimento 46/2016 onde solicita informações sobre a não regularização do atendimento do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) da cidade.

De acordo com o parlamentar a Prefeitura Municipal oferecia atendimento, por meio do CAPS (Centros de Atenção Psicossocial), aos portadores de sofrimento psíquico grave, permitindo, deste modo, que os usuários permaneçam junto às suas famílias e comunidades.

“No entanto, segundo informações repassadas a este nobre edil, há cerca de um mês não há mais qualquer atendimento no CAPS no Município de Charqueada, em claro prejuízo aos munícipes e seus demais usuários”, destacou o parlamentar.

Dinho Morelli questiona no documento: 1) quais seriam o(s) motivo(s) de até o presente momento não ter sido regularizado o referido atendimento no CAPS do Município de Charqueada; 2)    Se a falta de atendimento relaciona-se com a ausência de médico(s) psiquiatra(s), e, se for o caso, o porquê da falta ou ausência de tais profissionais; 3)         Se o referido atendimento relaciona-se com algum Convênio com outro ente público federal (União ou Estado) ou contrato congênere, e, se for o caso, em que condições ele fora estabelecido; e 4)         Acerca de quaisquer outros esclarecimentos que V. Sª. entender pertinentes a elucidar o(s) motivo(s) do não atendimento aos usuários do CAPS/Charqueada.

“Como fui questionado, estou apresentando esse requerimento para que possa informar corretamente as pessoas que fazer uso ou que nos abordam perguntando sobre o atendimento”, justificou o vereador.

Deixe um comentário abaixo