Diretor do jornal “O Regional” e Jornal de Santa Maria da Serra recebe títulos de Cidadão São Pedrense e Santamariaserrense

Publicado em Por Hosana Cortenove

Essa semana foi marcada por muita emoção para o jornalista e diretor do jornal “O Regional”, e Jornal de Santa Maria da Serra, José Marino Malossi Argentino, que recebeu na quinta-feira, 8 e sexta-feira, 9, respectivamente, os títulos de cidadão São Pedrense e santamariaserrense.

Em São Pedro o título foi proposto pelo vereador Mário de Barros (PDT) e em Santa Maria da Serra pelo vereador e presidente da Câmara Cassio Elias Cury (PPS), sendo aprovados por unanimidade em ambas as cidades.

O jornalista e empresário, José Marino Malossi Argentino nasceu em 18 de dezembro de 1962, no Hospital Casa Pia São Vicente de Paula, no município de São Manoel.

Terceiro filho do casal Marino Argentino e Edna Andrello Malossi Argentino, tendo como irmãos Antonio Alécio, Maria Terezinha, Cecília Aparecida, Isabel Aparecida, André Luiz e Andréia de Fatima.

Aos sete anos de idade ingressou na escola pública “Dr. Manoel José Chaves”. Em 1969 mudou-se para São Paulo junto com sua família, continuando seus estudos na capital na Escola Estadual “Dr. Clodomiro Carneiro”, no Bairro do Morro Grande.

Para ajudar a família trabalhava em feiras próximas a sua casa, recebendo alguns trocados e ao final das feiras frutas e verduras que ajudavam no sustento da família.

Com treze anos fez por conta própria uma caixa de engraxate, buscando o crescimento, para auxiliar na renda da família, atuando no bairro Cruz das Almas, andando por mais de 10 quilômetros para trabalhar.

Já aos quatorze anos foi registrado como auxiliar de serralheria na Industria Laires Esquadrias Metálicas, situada no bairro da Lapa, na capital paulista.

Aos quinze anos diante de muitas dificuldades sua mãe e filhos retornam para São Manuel onde já possuíam uma casa própria, onde até hoje sua mãe reside.

Trabalhou na Associação Comercial e Industrial de São Manoel por cerca de três anos como auxiliar de escritório; depois trabalhou como servente de pedreiro na empresa Malossi e Varaschin Ltda, que prestava serviços na Usina Barra Grande em Lençóis Paulista, onde foi de caminhão de “boia fria” por mais de 5 anos. Sempre buscando o crescimento, atuou ainda como auxiliar de topografia e auxiliar de desenhista projetista.

Nessa época teve que parar de estudar na sexta série. Passado alguns anos o professor Benjamin Blanco que assumiu a direção da escola “Dr. José Manoel Chaves” foi a sua casa convidando-o para retomar os estudos e por ser uma pessoa de personalidade firme disse que não poderia devido aos compromissos de trabalho e horários, o professor disse que uma pessoa de tamanha inteligência não poderia deixar de estudar, facilitando assim o horário e incentivando o seu retorno aos estudos.  Hoje é muito grato a este professor, pois o mesmo acreditou na sua capacidade e ao invés de critica-lo o incentivou.

Diante de tal situação retomou seus estudos no supletivo onde foi até concluir o colegial, atual ensino médio, com muita dedicação e perseverança.

No mesmo ano em que concluiu o ensino médio prestou vestibular na Universidade Sagrado Coração na cidade de Bauru, sendo admitido no curso de matemática, o qual cursou por um ano e meio, deixando o curso após descobrir que essa não era sua vocação, pois havia prestado também vestibular para Relações Públicas na UNESP.

Marino, sempre gostou da área de relações públicas e inclusive se destacou na vida política ainda na juventude, sendo presidente do PMDB Jovem (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) de São Manuel, chegando a atuar junto a grandes personalidades como Franco Montoro, Ulisses Guimarães, Orestes Quércia e o Deputado Estadual de sua terra, Milton Monti, hoje Deputado Federal.

No ano de 1996 conheceu Milton Padial Sarmento que o convidou para fundar um jornal em Santa Maria da Serra, aceitando de imediato, integrando a sociedade.

A sua primeira edição foi em novembro de 1996 na gestão do Prefeito Irineo Zani. Nascia então seu amor pelo jornalismo, que desde então nunca separou da pessoa de José Marino Malossi Argentino.

Se identificou tanto com Santa Maria da Serra que representou a cidade em eventos turísticos, levando o nome da cidade por onde passava, decidindo no ano de 2000 prestar novo vestibular dessa vez para o curso de Bacharelado em Turismo na Universidade Marechal Rondon, onde concluiu em 2004.

Na Universidade Marechal Rondon foi presidente do Centro Acadêmico do Curso de Turismo e do DCA (Diretório Central Acadêmico) da universidade, englobando todos os cursos.

Em 2001 um momento especial acontece em sua vida, conhecendo sua esposa Rosangela Cortenove Argentino, a qual lhe deu um filho: José Guilherme Cortenove Argentino ganhando ainda mais duas filhas do casamento anterior de sua esposa: Hosana Isabel e Roselaine Aparecida, essa mãe dos seus netos Miguel Henrique e Thales Henrique.

Nesse mesmo ano porem sofre um grande revés, com o falecimento de seu pai, Marino Argentino, pessoa que muito contribuiu para a formação de sua personalidade, caráter, que até hoje deixa exemplos práticos de honestidade, trabalho e amor à família.

Sempre com espírito empreendedor, no ano de 2005 um novo desafio surge em sua vida profissional quando funda o jornal “O Regional”, que circula atualmente em nove cidades: São Pedro, Águas de São Pedro, Piracicaba, Rio das Pedras, Charqueada, Ipeúna, Torrinha, Santa Maria da Serra e Brotas.

Inicialmente circulava em São Pedro, Águas de São Pedro, Charqueada e Ipeúna e posteriormente a sua tiragem foi ampliada e os municípios também. Desde então fixou residência em São Pedro, onde gera empregos e contribui com pagamento de impostos, isso sem falar em sua atuação auxiliando algumas entidades e pessoas do município, sempre de forma discreta e sem alarde.

Para José Marino a informação mais importante é aquela que interessa diretamente aos moradores de cada uma das cidades que circula, sempre de forma imparcial, o principal diferencial do jornal “O Regional” e do Jornal de Santa Maria da Serra.

Em virtude do crescimento do Aglomerado Urbano de Piracicaba há dois anos abriu uma sucursal na cidade de Piracicaba, visando ampliar ainda mais os destaques dos municípios onde atua, valorizando as belezas naturais de nossas cidades e suas qualidades, além de levar a verdadeira informação e o nome de São Pedro para os leitores de toda região.

José Marino recebeu também o título de Cidadão Charqueadense, homenagem da qual também se orgulha muito.

Citado nas homenagens e feliz com o reconhecimento, destaca a alegria em poder desenvolver um trabalho que tem sido reconhecido.

“A Câmara Municipal representa diretamente a população, porque os vereadores são os representantes mais próximos da comunidade. Receber nessa semana essas duas homenagens, contando com a presença de meus familiares e amigos queridos, é sem dúvidas motivo de muita honra e alegria para mim. Esse reconhecimento aumenta a nossa responsabilidade. Serei eternamente grato aos autores e vereadores por essas homenagens”, falou o jornalista “Marino”, como é carinhosamente conhecido em todas as cidade durante as entregas das honrarias.

Deixe um comentário abaixo