Integrantes do Projeto Meio Ambiente 2017 serão homenageados pela Câmara Municipal

Publicado em Por Adelle Gebara

O Coordenador da rede intersetorial, Nilson Marchezi; a professora, Juliana Palu e os alunos, Gabriela Gasparetto  Zanela; Tiago de Oliveira Duarte e Caio de Campos Neris, serão homenageados pela Câmara Municipal de São Pedro, através da Moção de Aplausos e Congratulações nº 19/2017, apresentada pelo segundo secretário da Mesa Diretora, vereador Roberson Pedrosa de Oliveira, o Robinho (PSL)  e aprovada nesta semana.

O vereador destacou que o projeto Meio Ambiente – 2017, tem como objetivo o Plano Municipal de Educação Ambiental de São Pedro que é uma iniciativa da prefeitura de São Pedro e do SAAESP (Serviço Autônomo de Água e esgoto de São Pedro).

“Integrantes do Projeto Meio Ambiente 2017 serão homenageados pela Câmara Municipal” – Foto:

O plano é desenvolvido por Nilson Marchezi, Coordenador da Rede Intersetorial, contando também com apoio de outras secretarias da administração municipal, as quais se engajaram nesse objetivo de tornar a cidade de São Pedro uma cidade mais consciente sobre a importância da preservação ambiental, partindo das crianças e tem como objetivo a implantação e implementação de ações voltadas para a educação ambiental no Município de São Pedro.

Nesse sentido, vale ressaltar que as diretrizes do referido plano estão sendo elaboradas em conformidade com a Lei N° 9.795/99 – Política Nacional de Educação Ambiental, que define em seu art. 1° a Educação Ambiental como sendo o processo, por meio do qual, o indivíduo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas para a conservação do meio ambiente. Nos termos do art. 2º da citada Lei a educação ambiental consiste em um componente essencial e permanente da educação nacional, devendo estar presente, de forma articulada, em todos os níveis e modalidades do processo educativo, ou seja, em espaços escolares e não escolares.

A elaboração do PMEASP envolve todos os órgãos da administração direta da Prefeitura de São Pedro, é importante ressaltar que as metas que serão definidas nesse documento não se restringem apenas a administração da Prefeitura Municipal, mas, engloba diversas atividades que envolvem a educação ambiental no município.

“Uma dessas ações foi desenvolvida recentemente, através da parceria com a Secretaria de Educação, que promoveu um concurso, para a escolha do mascote, “Catarina” que passa a motivar, sensibilizar e representar ações em educação ambiental e elegeu também 2 embaixadores para que possam representar os alunos em eventos, oficiais e não oficiais promovendo e  elaborando ações de boas praticas ambientais nas escolas e fora delas com incentivo e acompanhamento de uma professora. Com o objetivo de criar um mascote para o programa de Educação Ambiental, foi realizado um concurso interno promovido pela Secretaria Municipal de Educação”, destacou.

“Entendo que é uma iniciativa louvável, que merece total apoio e incentivo de nosso Poder Legislativo, razão pela qual apresentei está propositura”, disse Robinho.

Deixe um comentário abaixo