Prefeito Barjas Negri participa de aula inaugural do Semtre na Câmara Municipal

Publicado em Por Hosana Cortenove

A Secretaria Municipal do Trabalho e Renda (Semtre) realizou na noite da última quarta-feira (15), a aula inaugural para 120 alunos dos cursos de qualificação gratuitos do Programa Estadual de Qualificação Profissional (PEQ), em parceria com a Semtre e a Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT).

O evento foi realizado no salão nobre da Câmara Municipal de Piracicaba, e contou com as presenças do prefeito Barjas Negri, do secretário da Semtre, Evandro Evangelista, do secretário estadual do Emprego e Relações do Trabalho, José Luiz Ribeiro, e demais autoridades.

O prefeito Barjas Negri explicou que o momento é delicado, por isso, a Prefeitura, por meio da Semtre, procura auxiliar a população piracicabana, trazendo cursos, com objetivo de abrir as portas para o emprego. “Nós estamos preocupados com essa crise que o país atravessa. É minha obrigação ampliar oportunidade de qualificação e de emprego para a população de Piracicaba. Porém, conto com a colaboração de todos que foram classificados para que cumpram com seu objetivo e não desista do curso”, disse.

Ele também elogiou a atuação do secretário Evandro Evangelista que, em 45 dias de trabalho, conseguiu esse feito para a cidade. “ Agradeço a colaboração do novo secretário e de toda sua equipe, que se empenharam para conseguir atender a demanda de cursos, nesse momento de alto índice de desemprego e desqualificação”.

O secretário estadual do Emprego e Relações de Trabalho, José Luiz Ribeiro, enfatizou a necessidade de os alunos participarem ativamente do curso em sala de aula para seguir novos caminhos na realização profissional.

Prefeito Barjas Negri participa de aula inaugural do Semtre na Câmara Municipal

Prefeito Barjas Negri participa de aula inaugural do Semtre na Câmara Municipal- Foto: Divulgação

O secretário Evandro Evangelista destacou que, quando assumiu a Semtre, o prefeito Barjas Negri deu uma primeira missão: qualificar os trabalhadores da cidade. “No caso específico desse curso serão atendidas prioritariamente pessoas desempregadas. Para se ter uma ideia do índice de pessoas desqualificadas, a secretaria recebeu a visita de 8.500 mil pessoas desde o início do ano. Cinco mil e quinhentas pessoas estavam à procura de uma vaga de trabalho. Porém, apenas 1.100 foram encaminhadas, pois, as demais não possuem nenhuma qualificação profissional”, explicou.

Evandro ressaltou que os trabalhadores que ainda não conseguiram se inscrever – foram 240 candidatos para 120 vagas – devem ficar atentos, pois a Semtre está se empenhando para oferecer outros cursos de qualificação. “As pessoas não precisam procurar a Semtre só quando há inscrição para cursos de qualificação. A secretaria é um instrumento de apoio ao trabalhador, composta por diversos setores, como Banco de Dados Socioeconômicos, Banco do Povo Paulista, Centro de Apoio ao Trabalhador (CAT), Economia Informal, Microempreendedor Individual (MEI), Qualificação Profissional e Primeiro Emprego. Mesmo para aquelas pessoas que nos procuram e não conseguem sair com emprego, elas podem ser encaminhadas, por exemplo, ao MEI e se tornarem microempreendedores”.

As aulas serão ministradas na Semtre até o dia 29 de março. Foram oferecidas 120 vagas para os cursos de departamento pessoal (60 vagas), recepcionista (30) e técnica de vendas (30), com 160 horas de duração. O objetivo dos cursos gratuitos é qualificar o candidato para aumentar suas chances de inserção no mercado de trabalho.

EM BUSCA – Katia Pereira dos Santos, 25, auxiliar de produção e desempregada há mais de um ano, não perdeu tempo quando descobriu as vagas para os cursos. Foi a primeira a chegar na Semtre para fazer sua inscrição para o curso de auxiliar de departamento pessoal. “Eu não tinha como chegar a tempo. Moro no São Jorge, se aguardasse amanhecer o dia, não chegaria. Convidei minha irmã e chegamos às 2h da manhã. Fui a primeira da fila e garanti a vaga. Estou feliz, pois terei a oportunidade de me qualificar na área e garantir um emprego”, comemorou ela, durante a aula inaugural.

Vladimir Vicente Adario, 45, vendedor administrativo, disse que está desempregado há um ano. Agora vai cursar auxiliar de departamento pessoal para reciclar os conhecimentos. “Eu gosto dessa área de atuação e quero, a partir do aquecimento do mercado do trabalho, estar preparado para enfrentar desafios”, declarou.

Já Eliane Cristina Gimenez, 49, auxiliar de cozinha, disse que pleiteou a vaga para atendimento e recepção, pois, tem facilidade de comunicar-se. “Tenho experiência como auxiliar de cozinha, porém, sem carteira assinada. Isso dificulta a contratação”.

SERVIÇO – Aulas a partir de hoje, 16/02 – nos seguintes horários: Departamento pessoal – turma 1- das 8h às 12h, de segunda à sexta-feira e turma 2- das 17h30 às 21h30, de segunda à sexta-feira; Atendimento e recepção: das 17h30 às 21h30, de segunda à sexta-feira, e Técnico de vendas: das 8h às 12h, de segunda à sexta-feira.

 

Deixe um comentário abaixo