Prefeito Thiago Rochiti reajusta IPTU em 21% para 2016

Publicado em Por Hosana Cortenove

Contrariando o que vinha pregando anteriormente que a “casa” estava em ordem e não vinham reclamando, nem repassando o ônus da crise econômica a população, o prefeito de Torrinha, Thiago Rochiti (PSD) reajustou em 21% (vinte um por cento) o valor do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) da cidade, causando reclamações e revolta de moradores e diversos segmentos da sociedade local.

De outro lado, ao invés de reduzir despesas com o custo da máquina pública, recentemente decidiu aumentar o horário de funcionamento da Prefeitura Municipal, caminhando na contra mão de diversas prefeituras da região.

No dia 29 do mês passado, por 5 votos favoráveis e 4 contrários, a Câmara Municipal de Torrinha, aprovou o Projeto de Lei Complementar nº 39/2015, encaminhado pelo prefeito Thiago Rochiti (PSD) e que “Dispõe sobre a alteração da Lei Complementar nº 01, de 10 de dezembro de 2008, e dá outras Providências”.

Na prática o projeto aumentou o valor cobrado de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), que será cobrado a partir deste ano.

Inicialmente a votação foi empatada, com votos favoráveis sendo dos vereadores Fabricio Perine (PSC), Marcos Campanati, o Marcão Cabeção (PSDB), Guilherme Betti (PSC) e Ercildo Valmir Gabini, o Quati (PSDB) e 4 votos contrários sendo dos vereadores José Mauri Perez (PSDB), José Carlos Liberato da Cruz, o Carlão (PSDB), Evaldo Spigolon, o Capri (DEM) e José Umberto Batistela, o Bertinho (PSDB).

No entanto, o projeto foi aprovado com o voto de misericordia do Presidente da Câmara Municipal, vereador Rodolfo Buzato (PSL), que desempatou a favor do aumento.

Deixe um comentário abaixo