A Terra, e suas Propriedades na Construção Natural!

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove

 

A Terra, e suas Propriedades na Construção Natural!

A Terra, e suas Propriedades na Construção Natural! – Foto: Divulgação

A terra é um material plástico, de compressão, de rápida construção, capaz de resistir a forças naturais, controla a umidade dos ambientes, armazena calor, criando assim, seu próprio  “micro-clima”, é um  isolante acústico, sua  parede acaba sendo uma barreira de ondas  eletro magnética, é um material reciclável, não tóxica, de baixo impacto ambiental,  possui uma plasticidade natural,  baixo custo de material , traz independência , autonomia e integração na construção , porem, não possui uma padronização.  Diante de todos esses benefícios, ainda assim, passa constantemente por um “preconceito social” pela construção civil.

Um material que por si só, possui propriedades únicas, relacionadas a construção como: poupar energia de produção, de transporte e  consequentemente, diminui a poluição ambiental  , isso se da ,ocasionalmente pelo próprio uso de terra do local da construção , que poderá ser utilizada, depois de  analises técnicas simples,  porem eficaz .

A analise feita do solo serve para saber sua composição de granulometria de: argila, silte, areia e agregados.  Sabendo a composição do solo e características do mesmo, sabemos quais técnicas construtivas mais adequadas para cada situação. Em todas as técnicas construtivas com Terra, será realizado a analise, para assim, adequar o solo,  para cada técnica de terra utilizada. a composição da terra e suas porcentagens representam a Argila: que é o aglomerante natural , e a areia, que  é a para estrutura.

A  questão da saúde também não passa desapercebida pela terra, é um material altamente saudável  com inúmeros benefício para saúde:  desde redução de  problemas respiratórios, reumatismo entre outras doenças.

A principal Regra básica para um Bioprojeto com Técnicas Construtiva com Terra, como:  Hiperadobe, Superadobe, Taipa de Sopapo, Pau-a-Pique, Bambu-a-Pique, Cob,  Taipa de Pilão,  Bloco de BTC, entre outras técnicas com Terra,  para qualquer delas é: “Boas Botas, e  Bom Chapéu”. Isso significa que, necessita de uma boa base impermeabilizada, e um bom beiral, para proteger da água da chuva.  Aliada com a orientação solar, topografia e diretrizes Biolcimáticas, respeitando a particularidade de cada técnica, e de cada contexto de projeto.

A questão da manutenção da construção com Terra é um assunto decorrente de duvida e “preconceitos”.  E assim, como na construção convencional, que  a manutenção tem que ser diária e constante(resolver o problema imediatamente, assim que aparecer ), não é diferente na  construção Natural . A atitude da manutenção  esta altamente ligada a durabilidade  do projeto, e sendo assim um projeto saudável , com alta durabilidade e com uma vida útil do projeto, superior as construções convencionais . Trazendo assim saúde para todos os envolvidos na Bioconstrução.

Ana Carolina M. Bombini – Arquiteta e Urbanista -CAU: A82559-0

(19) 3481-1134 ou (19) 9 91885597

Deixe um comentário abaixo