Câmara abre mais uma CP para investigar supostas irregularidades em compras de cestas básicas em Águas de São Pedro

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove
Câmara abre mais uma CP para investigar supostas irregularidades em compras de cestas básicas em Águas de São Pedro

Câmara abre mais uma CP para investigar supostas irregularidades em compras de cestas básicas em Águas de São Pedro – Foto: José Marino

Nesta segunda-feira, (23), com quatro votos favoráveis, foi aprovada na Câmara Municipal de Águas de São Pedro, a criação de uma Comissão Processante, para apurar supostas irregularidades em relação a aquisição de cestas básicas por parte da atual administração do prefeito Paulinho Barboza (PSDB).

A denúncia apresentada pela AMAAS (Associação dos Moradores e Amigos de Águas de São Pedro), relata possíveis irregularidades na compra da cesta básica, que teria sido superfaturada e que questiona o valor pago.

Os quatro votos foram dos vereadores Célio do Nascimento (PSD), Edilene da Saúde (DEM), Marcelo Pato (PSD) e Valter Ferreira, o Valter da Jaws (PPS), enquanto o vereador Anderson Cardoso (PR) votou contrário ao requerimento de constituição da comissão e mais uma vez os vereadores Rubens Antunes e Maria Scaranelo estiveram impedidos de votar segundo presidente do legislativo, Manoel Azevedo Noronha, Nelinho Noronha.

Já o vereador Vanderlei Zampieri (PRB) se ausentou da votação minutos antes alegando motivos de saúde.

Posteriormente, a CP teve seus membros escolhidos e ficou composta pelo Presidente Valter da Jaws, relator Marcelo Pato e Edilene da Saúde como membro.

Procurada, a assessoria de imprensa ressaltou que a prefeitura não irá se manifestar, uma vez que o prefeito sequer foi notificado pela Câmara Municipal.

Deixe um comentário abaixo