Câmara terá CEI para apurar possíveis irregulares em manutenção de ônibus escolares de Charqueada

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove
Câmara terá CEI para apurar possíveis irregulares em manutenção de ônibus escolares de Charqueada

Câmara terá CEI para apurar possíveis irregulares em manutenção de ônibus escolares de Charqueada – Foto: José Marino

Nesta terça-feira, (3), durante a 7ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Charqueada, os vereadores Fernando Ciaramello (PSDB), Romero Rocca (PSDB), Naldo Davanzo (PTB) e Jaime Fava (PSD) apresentaram em conjunto o Requerimento nº. 20/2018 onde propuseram a instauração de Comissão Especial de Inquérito com a finalidade de apurar a falta de manutenção nos ônibus escolares do Município de Charqueada.

Na terça-feira, dia 27 de março, o Vereador Fernando Ciaramello (PSDB) já havia destacado em sua fala na Tribuna que proporia a abertura de CEI (Comissão Especial de Inquérito) para apurar possíveis irregularidades no transporte de alunos de Charqueada.

Na ocasião Ciaramello destacou que recebeu denúncias de irregularidades no transporte, que inclusive comprometeriam a segurança dos alunos.

“São muitas reclamações sobre isso. Chegou a um momento que fugiu do controle. Chega uma hora que o diálogo não se presta mais para essa finalidade. Temos que agir, dar um passo além. Por isso vamos abrir uma CEI para apurar isso. Convidei o Romero Rocca, o Jaime Fava e o Naldo Davanzo. Em determinados ônibus chove dentro, o assoalho está saindo. Tem casos que os motoristas tem que limpar o para brisa com pano, porque o limpador não funciona. O serviço público tem que ser continuo. Sabemos que temos casos de força maior, mas a quebra por falta de manutenção, de zelo, está sendo continua e nós temos que tomar providências, vamos atuar da mesma forma que na época da Trevizan, identificando as irregularidades, tirar fotos, vídeos, comprovando tudo. Esse é o objetivo”, ressaltou Fernando Ciaramello.

“O segundo objetivo é identificar o porquê não é resolvido. Se a administração tá fazendo, se está sendo comunicada sobre as necessidades de melhorias. É isso que nós temos que identificar em um segundo momento. A CEI recomenda e se não é acatado é encaminhado ao Ministério Público para adotar as medidas cabíveis. Se nós estamos cobrando dos alunos temos que dar condições, segurança para os alunos”, ressaltou o vereador charqueadense a epoca.

Deixe um comentário abaixo