Carlos Sicca busca verbas e comunica projeto de conservação do Tijuco Preto

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove
Carlos Sicca busca verbas e comunica projeto de conservação do Tijuco Preto

Carlos Sicca busca verbas e comunica projeto de conservação do Tijuco Preto – Foto: José Marino

Nesta semana, o presidente da Câmara de Rio das Pedras Carlos Sicca (PV), em pronunciamento na tribuna da Casa de Leis, informou a obtenção de verbas através de emendas parlamentares através do deputado federal Antônio Carlos Mendes Thame (PV).

Uma delas, no valor de R$ 200 mil para aplicação na “Estruturação da Rede de Serviços de Atenção Básica de Saúde” e outra no valor de R$ 250 mil para investimento na Infraestrutura Urbana.

Carlos Sicca em suas palavras deixou claro que agora a prefeitura deve fazer sua parte e cumprir no prazo os trâmites burocráticos para obtenção dos valores junto aos Ministérios envolvidos.

“Embora a remessa do numerário pelo Governo Federal seja demorado, não podemos deixar escapar a oportunidade para obtenção de valores, haja vista a situação econômica delicada da Administração Municipal”, ressaltou o presidente da Câmara Carlos Sicca.

Também ainda em fase embrionária, com estudos iniciais sendo realizados, Sicca levou ao conhecimento da Câmara a criação de um projeto visando à conservação e recuperação do histórico rio Tijuco Preto.

Batizado de “Monitorando meu Tijuco”, o projeto que foi levado à Câmara Municipal, à Secretaria do Meio Ambiente, Secretaria de Educação e SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) tem origem em iniciativa da sociedade civil e autoria do Eng.º Humberto Scarazatti. Foi relatado pelo vereador Sicca que ocorreram algumas reuniões entre o autor do projeto, os vereadores Jeandre “Nabuco” (PSDB), Dr. Fernando Oliveira Antônio (PSDB) e Leandro Penatti (DEM) de forma que fosse apresentado a abordagem inicial para implantação.

Reiterando o caráter de recuperação de um bem natural, que faz parte da história da cidade, parte-se do princípio de que o primeiro passo para recuperar mananciais é não poluir mais. A intenção é mobilizar as escolas e os estudantes da rede pública, no sentido de realizarem monitoração em áreas demarcadas das condições do Tijuco Preto e, com a instalação de um Comitê Gestor, elaborar ações para solucionar os problemas que surgirem.

Carlos Sicca conclamou seus pares a participar do projeto “Monitorando Meu Tijuco”, pois o mesmo está aberto à participação de todos os vereadores e merece a atenção da Câmara Municipal para sua viabilização.

Deixe um comentário abaixo