Começa hoje a Vacinação antirrábica na Zona Rural de São Pedro

Publicado em Por Diagramador

Hoje, a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro, por meio da Vigilância Epidemiológica, começa a vacinar cães e gatos da Zona Rural.

Diferente dos anos anteriores, as equipes não vão percorrer os bairros casa a casa, ou, seja, os moradores devem levar seus animais aos pontos de vacinação nos dias e horários indicados.Devem receber a dose de vacina todos os animais com idade acima de três meses.

Hoje, a vacinação será realizada nas EMEBS Dr. Celso Silveira Mello, no bairro Vertentes das Águas;  Maria Amélia Pimentel, no bairro Floresta Escura e no posto Shell, na entrada do Thermas, no período das 08h00 às 17h00.

“Começa hoje a Vacinação antirrábica na Zona Rural de São Pedro” – Foto: Divulgação

O médico veterinário da Secretaria de Saúde, Matheus de Melo Murbach, fala da importância da população levar os animais para receberem a vacina.

“É de extrema importância que a população fique atenta para os dias em que a equipe de vacinação estará em sua região e leve seus animais para serem vacinados, evitando que tenham a contaminação da raiva”, destaca o médico veterinário Matheus Murbach.

Já no dia 25, próximo sábado, a vacinação acontece também das 08h00 às 17h00, na portaria do condomínio Serra Verde; nos bairros Tanquã e Praia Branca, com unidades volantes e na Capela do Engenho, no bairro Engenho São Pedro.

No dia 2 de dezembro, serão quatro locais atendidos: Unidade de Saúde do Santo Antonio e Bar do Neguinho, no Alto da Serra, das 8h às 17h00; Fazenda Primeiro Mundo, das 08h00 às 12h00 e praça da igreja Presbiteriana, no bairro dos Gomes, das 13h00 às 17h00.

No dia 9 de dezembro, as equipes estarão das 08h às 17h00 na Pousada Três Marias, no bairro Capim Fino, Rancho do Kajuba, bairro Chácaras ABC e Centro Educacional Tia Leninha, no Nova Aurora.

O último dia de vacinação será 16 de dezembro, quando as equipes estarão no 1º ponto de ônibus do Vista Alegre, das 08h00 às 12h00; na entrada do loteamento Águas Claras, das 13h00 às 17h00; no 1º ponto de ônibus Giocondo e no Santana’s Ranch das 08h00 às 17h00.

Para receber a dose gratuita fornecida pelo Estado que garante a proteção aos animais, a recomendação é que os proprietários levem os cães presos em guias e os gatos em caixas de transporte, gaiolas ou fronhas.

Os animais da Zona Urbana já foram vacinados na campanha realizada em março, quando 3.247 animais – 2.727 cães e 520 gatos – foram imunizados. Na Zona Rural, o objetivo é vacinar 2.000 animais.

Proprietários de animais que não foram imunizados na campanha realizada na Zona Urbana podem procurar um ponto na Zona Rural para realizar a vacinação.

A equipe da Vigilância Epidemiológica informa que não serão liberadas doses para as pessoas vacinarem em casa. Ou, seja, é preciso levar os animais até o ponto de vacinação.

A raiva é uma doença fatal infecciosa que pode ser transmitida aos seres humanos por animais suscetíveis ao vírus. A vacina é a única opção para prevenir a doença. A contaminação acontece quando a pessoa é mordida ou tem contato com a saliva de cães e gatos doentes. Pessoas mordidas, arranhadas ou feridas devem lavar bem o local com água e sabão e procurar o atendimento médico.

Além disso, o animal deve ser observado por 10 dias em local isolado. No caso de qualquer mudança de comportamento, as autoridades de saúde deverão ser informadas.

Deixe um comentário abaixo