Dia do Rio Piracicaba será comemorado com Arrastão Ecológico e Campanha Rio Vivo

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove

Hoje, em homenagem ao Dia do Rio Piracicaba, no Largo dos Pescadores, das 08h30 às 12h00, acontece a 24ª edição do Arrastão Ecológico e Campanha Rio Vivo – juntos pela consciência ambiental na bacia do Rio Piracicaba.

A realização é da Prefeitura de Piracicaba, por meio da Secretaria de Defesa do Meio Ambiente (Sedema), da Oscip Pira 21 – Piracicaba realizando o futuro, e do ambientalista José Carlos Masson. A programação deste ano inclui abertura solene, ações educativas da Campanha Rio Vivo e a tradicional saída dos barcos que realizarão o recolhimento de materiais ao longo do manancial. Também estão previstas apresentações.

O 24º Arrastão Ecológico fará a retirada de lixo e entulhos das margens do Rio Piracicaba. Esta ação anual visa mobilizar a população em defesa do Rio Piracicaba, além de estimular a consciência sobre a importância da conservação da paisagem natural, do turismo sustentável e da proteção da biodiversidade das bacias hidrográficas.

A remoção de materiais do rio, que será feita exclusivamente por embarcações, conta com o apoio da APERP (Associação dos Pescadores Esportistas do Rio Piracicaba e Afluentes).

O local de saída dos barcos, bem como o local de retorno com os materiais recolhidos, será a rampa da Av. Beira Rio, em frente ao Largo dos Pescadores.

A Campanha Rio Vivo é uma ação idealizada pela Sedema, por meio da equipe do Núcleo de Educação Ambiental (NEA), cujo objetivo é orientar a população e estimular as relações sustentáveis com a água, ribeirões e rios da bacia hidrográfica do Rio Piracicaba. São realizadas atividades de educação ambiental pela equipe do NEA e também pelas instituições e projetos parceiros, como o Consórcio PCJ, o Projeto Educativo do Hidrofitotério da Esalq, ETEC Ary de Camargo Pedroso e Grupos de Escoteiros de Piracicaba. Também está prevista uma exposição fotográfica sobre o Rio Piracicaba e a divulgação de um concurso fotográfico organizado pelo Senac.

O Arrastão Ecológico no rio Piracicaba foi idealizado em 1995, pelo navegador José Luiz Guidotti, com a colaboração de José Carlos Masson. Com o passar dos anos, o Arrastão veio ganhando mais adeptos e contando cada vez mais com a participação da população.

Masson destaca a importância da participação da sociedade na manutenção da limpeza do rio.

“Durante mais de duas décadas, retiramos mais cerca de 23 toneladas entulho das margens do rio com o auxílio dos barcos. É um gesto simbólico, mas meu maior desejo é ver o rio e suas margens limpos o ano todo, livres de lixo e poluição”, afirmou.

“A celebração do Dia do Rio Piracicaba é uma atividade fundamental para estimular práticas sustentáveis pela população em relação ao Rio Piracicaba e seus afluentes, principalmente em relação ao descarte correto de resíduos urbano e rural, além de promover a educação ambiental em defesa das águas da bacia do Rio Piracicaba. Além disso, favorece a conservação ambiental e o desenvolvimento do turismo ecológico, objetivos alinhados à Agenda 21 de Piracicaba”, destaca Josué Adam Lazier, secretário executivo da Oscip Pira 21 – Piracicaba Realizando o Futuro

“Os laços afetivos da população piracicabana com o rio são demonstrados nessa ação, que faz parte do processo contínuo de luta pela conservação da qualidade das águas do rio Piracicaba, que tem influência das ações não só da população de Piracicaba, mas de toda sua bacia hidrográfica”, afirma Elizabeth da Silveira Nunes Salles, bióloga do Núcleo de Educação Ambiental (NEA) da Sedema.

Deixe um comentário abaixo