Pequenos estabelecimentos comerciais lideram geração de emprego formal em Piracicaba

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove

Os pequenos estabelecimentos comerciais de Piracicaba têm liderado a geração de vagas formais no varejo local. Em 2015 e 2016, enquanto o setor eliminou 1.577 empregos celetistas, os estabelecimentos com até 4 colaboradores criaram 940 postos de trabalho. Já em 2017, essas empresas de menor porte foram determinantes para a reação do mercado de trabalho varejista da cidade ao abrir 1.259 vagas.

Passado o período de Natal e as liquidações de início de ano, melhor período de vendas para o varejo, é natural que o setor ajuste o seu quadro de funcionários, como de fato ocorreu em Piracicaba com a eliminação de 506 empregos com carteira assinada no primeiro bimestre de 2018. Mas, vale ressaltar que nesse mesmo período, os estabelecimentos de pequeno porte criaram 66 vagas.

O levantamento foi feito pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), e apresentado nessa quinta-feira (5), durante reunião da Coordenadoria Sindical Sudeste, junto ao Sindicato do Comércio Varejista de Piracicaba.

Entre os pequenos estabelecimentos comerciais, os supermercados foram destaque de 2015 a 2017, com 1.637 vagas abertas, o que representa 72% do total.

De acordo com a assessoria econômica da FecomercioSP, os estabelecimentos comerciais com até quatro colaboradores sofreram menos com a crise que assolou o mercado de trabalho formal principalmente por terem menor capacidade de subsistir em caso de corte de funcionários. Além disso, há um aumento no número de micro e pequenas empresas, as quais nasceram como alternativa para antigos trabalhadores celetistas que foram desligados. A Federação destaca, ainda, que os negócios de menor porte estão, geralmente, localizados em bairros, garantindo maior proximidade e fidelidade junto aos clientes.

Sobre a FecomercioSP

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) é a principal entidade sindical paulista dos setores de comércio e serviços. Congrega 143 sindicatos patronais e administra, no Estado, o Serviço Social do Comércio (Sesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). A Entidade representa um segmento da economia que mobiliza mais de 1,8 milhão de atividades empresariais de todos os portes. Esse universo responde por cerca de 30% do PIB paulista – e quase 10% do PIB brasileiro –, gerando em torno de 10 milhões de empregos.

 

Sobre o Sincomércio Piracicaba

O Sindicato do Comércio Varejista de Piracicaba e Região é o órgão representativo dos empresários do setor do comércio varejista e de serviços de sete cidades – Piracicaba, Águas de São Pedro, Charqueada, Saltinho, São Pedro, Tietê e Torrinha. Fundado em 1942, possui hoje 8 mil contribuintes e é filiado à FecomercioSP, Entidade que administra, no Estado, o Serviço Social do Comércio (Sesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

Deixe um comentário abaixo