Prefeito de Ipeúna participa de discussão sobre a importância da gestão dos resíduos sólidos

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove
Prefeito de Ipeúna participa de discussão sobre a importância da gestão dos resíduos sólidos

Prefeito de Ipeúna participa de discussão sobre a importância da gestão dos resíduos sólidos – Foto: Divulgação

O prefeito José Antonio de Campos esteve reunido na segunda-feira (05), em Piracicaba, com prefeitos de cidades da região para discutir a importância da gestão regional dos resíduos sólidos. A necessidade de ações integradas para conscientização da população e o descarte correto foram destacados. Durante o encontro, os chefes do Executivo de Ipeúna, Nova Odessa, Piracicaba, Rio das Pedras e Saltinho assinaram carta de intenção para integrarem o consórcio.

O prefeito de Nova Odessa e presidente do Consimares (Consórcio Intermunicipal de Manejo de Resíduos Sólidos), Benjamim Bill Vieira de Souza, afirmou a necessidade da união dos municípios na busca por soluções eficientes. “Hoje a destinação dos resíduos precisa ser discutida de forma conjunta. Quanto mais os municípios se unirem para debater esta questão, melhores serão as soluções para este assunto que é não apenas uma questão ambiental, mas também de saúde pública”, disse Bill. “Falar sobre resíduos urbanos e desenvolver projetos para a sua destinação correta não é algo fácil. É preciso disponibilidade e responsabilidade para tratar deste tema”, continuou.

Superintendente do Consimares, o engenheiro agrônomo Valdemir Aparecido Ravagnani fez uma explanação dos estudos e projetos desenvolvidos pelo consórcio, entre eles a instalação de ecopontos e PEVs (Pontos de Entrega Voluntária). “Um estudo realizado pelo Consórcio apontou que apenas 9,89% dos resíduos arrecadados nos municípios são rejeitos, então, precisamos pensar cada vez mais na destinação final eficiente dos materiais”, disse.

Durante a reunião, os prefeitos José Antônio de Campos (Ipeúna), Barjas Negri (Piracicaba), Carlos Defavari (Rio das Pedras) e Carlos Alberto Lisi (Saltinho) assinaram a carta de interesse para integrarem o consórcio. “Algumas coisas têm que ser pensadas regionalmente ou de forma consorciada e a destinação dos resíduos é uma delas”, frisou Barjas.O diretor de Meio Ambiente de Iracemápolis, Álvaro Coelho, e o vice-prefeito de Piracicaba, José Antonio Godoy, também participaram da reunião.

“A vinda destes municípios é muito importante. O Consimares existe desde 2009 e é um consórcio renomado na área em que atua. Certamente estas novas cidades terão importante participação na consolidação do trabalho que é realizado”, finalizou Bill.

Segundo Ravagnani, com a assinatura das cartas de intenção, os municípios deverão encaminhar para aprovação na Câmara uma legislação própria autorizando a participação no consórcio. “Entramos agora em uma fase burocrática, com aprovação das leis para que estas cidades, efetivamente, façam parte do consórcio”, explicou.

Referência na gestão intermunicipal de resíduos, o Consimares desenvolve uma série de projetos nas cidades consorciadas com objetivo de promover o descarte correto dos resíduos sólidos e fomentar o diálogo entre os gestores públicos, incentivando as iniciativas voltadas para a sustentabilidade no Brasil.

Um levantamento recente do consórcio comprovou, por exemplo, que o número de casos de dengue está diretamente ligado à destinação correta dos resíduos. Em outro estudo, o consórcio comparou o aumento da quantidade de lixo doméstico gerado nas cidades ao crescimento populacional. O levantamento apontou que enquanto a população cresceu cerca de 4% em quatro anos, a quantidade de lixo coletada diariamente teve crescimento médio de 10%, índice superior, inclusive, ao aumento do percentual de resíduos domésticos gerados no País, que foi de aproximadamente 4,1%.

Prefeito de Ipeúna participa de discussão sobre a importância da gestão dos resíduos sólidos

Prefeito de Ipeúna participa de discussão sobre a importância da gestão dos resíduos sólidos – Foto: Divulgação

 

Deixe um comentário abaixo