Tecnologias de acessibilidade e muita emoção na estréia da 29ª Paixão de Cristo de Piracicaba

Publicado em Por Jose Guilherme Cortenove
Tecnologias de acessibilidade e muita emoção na estréia da 29ª Paixão de Cristo de Piracicaba

Tecnologias de acessibilidade e muita emoção na estréia da 29ª Paixão de Cristo de Piracicaba – Foto: de Aline Aragon

Com uma estreia emocionante que aconteceu no domingo, dia (25), a 29ª edição da Paixão de Cristo de Piracicaba segue com apresentações todas as noites até domingo de Páscoa, dia 1ª de abril, sempre às 20 horas, no Engenho Central. Na Sexta-feira Santa, dia 30, ocorrerá uma sessão extras, às 17 horas.

Junto com cenas inéditas, um dos destaques da encenação deste ano são os sistemas de acessibilidade criados para integrar o público ao espetáculo como a áudio-descrição e a participação de uma interprete de libras, além das rampas de acesso a arquibancada para cadeirantes e idosos, que possuem espaço reservado.

“Pela primeira vez, estamos disponibilizando equipamentos que permitem aos deficientes auditivos e visuais assistirem integralmente ao espetáculo. Isso é possível com o suporte de equipamento específicos e profissionais especializados”, explica Harlei Mariano Souza Junior, presidente da Associação Cultural e Teatral Guarantã.

O diretor comenta que a inclusão social faz parte do DNA da encenação. “Nosso elenco conta com cinco pessoas com deficiência. É muito gratificante proporcionar essa oportunidade, colocando em prática, literalmente, os ensinamentos de Jesus, um dos objetivos principais da Paixão de Cristo”.

As sessões com acessibilidade terão dias específicos. Haverá mais uma apresentação com áudio-descrição na noite de hoje, dia 26 de março. Já as sessões com intérpretes de libras serão realizadas nas noites de 26, 27 e 30 de março, sempre às 20 horas.

Realizada pela Associação Cultural e Teatral Guarantã, há 29 anos consecutivos, o espetáculo teatral centrada na epopeia bíblica narra os últimos dias de Jesus Cristo na Terra em duas horas de duração. A encenação que possui 40 atos acontece no Engenho Central, antiga usina de açúcar, localizada às margens do rio Piracicaba, no interior de São Paulo.

Contando com a participação de voluntários, entre figurantes, artistas e técnicos, esta é uma das maiores montagens cênicas do país e a maior de todo centro sul do Brasil. A direção artística é de Viviane Palandi e conta com a assistência de Carlos ABC.

O espetáculo: Lembrando uma verdadeira cidade cenográfica e tudo a céu aberto, a montagem acontece num espaço de oito mil metros quadrados e a história transcorre em cenas simultâneas, encenadas para permitir ao público uma completa visibilidade de todos os palcos que compõe toda a estrutura, onde se desenvolvem as 40 cenas.

Acomodado em uma arquibancada com capacidade para mais de 2.500 pessoas, no decorrer da apresentação o espectador sente-se envolvido pelo clima do espetáculo, num realismo obtido graças aos inúmeros efeitos cênicos e técnicos. A dramaticidade da trilha sonora, juntamente com os recursos utilizados, tais como carruagens, bigas, soldados e artistas circenses, remete o espectador à própria época.

Ingressos: O valor dos ingressos para o espetáculo Paixão de Cristo de Piracicaba 2018 ficou estabelecido da seguinte forma:

-Dia 29 (quinta-feira)

arquibancada = R$ 20,00

cadeira individual = R$ 40,00

-Dia 30 (sexta-feira) – sessão das 17h

arquibancada = R$ 15,00

cadeira individual = R$ 30,00

-Dia 30 (sexta-feira) – sessão das 20h

arquibancada = R$ 30,00

cadeira individual = R$ 50,00

-Dia 31 (sábado)

arquibancada = R$ 20,00

cadeira individual = R$ 40,00

Deixe um comentário abaixo